quarta-feira, 1 de setembro de 2010

The sweetest smile




Ás vezes é fácil esquecermo-nos de sorrir. Tão fácil... E ainda mais agora que, do ponto de vista profissional, continuamos ao sabor da corrente (ou do governo) e a única coisa que sabemos é que vão continuar as injustiças, as chatices, as arrelias com outros profissionais, as tentativas de luta (em vão?) ...




Tudo isto nos tem levado a perder o sorriso, perder a cortesia, a atenção e a disponibilidade ... E não é que não se mantenha a relação com os utentes, a atenção e o devido respeito, mas gera-se inevitavelmente um clima de tristeza.




É por isso que faço o apelo, por mais que as coisas não corram como deviam, não nos esqueçamos de sorrir! De dar o nosso sorriso aos outros, pois é muitas vezes a única coisa que podemos dar. Que transformemos as tristezas em sorrisos, na certeza que vamos lutar pelo que nos é justo e, quando chegar a hora de "pedir" algo mais, não nos arrependamos do que deixámos de fazer. Vamos sorrir, porque quando sorrimos o dia corre melhor, a mim, a ti e ao outro. Vamos sorrir, porque quando virmos o sorriso do outro o nosso coração vai encher-se de calor e o que é bom dentro de nós irá sobressair.



Como dizia o outro: "vale a pena pensar nisto!" ehehhe Votos de um dia CHEIO de sorrisos!





ps: e já agora, sei que não faz muito o estilo do blogue, mas ninguém me mandou isto por mail! Acho que estamos mesmo a precisar! ehehe
aquele abraço

Sem comentários:

Enviar um comentário