sexta-feira, 10 de junho de 2011

A primeira de várias "pérolas" ...




A primeira de várias "pérolas", encontradas em manuais redigidos pelo próprio Estado, que suporta legalmente as actividades realizadas em LARES e equipas de CUIDADOS DOMICILIÁRIOS, cujos donos/empresas preferem, naturalmente, usar mão de obra mais barata!!!

No primeiro manual da Segurança Social "Apoio Domiciliário: Manual dos Processos Chave", pág. 100 do documento pdf, pode-se encontrar a seguinte descrição:

"Os cuidados de enfermagem são prestados de acordo com o estabelecido no PDI de cada cliente.
Em função dos resultados da avaliação geriátrica de cada cliente e das normas específicas relativas aos tipo de cuidados a prestar, visando a promoção de autonomia e a prevenção da dependência, o enfermeiro responsável por este processo define as regras para a prestação dos cuidados que são da sua exclusiva responsabilidade e aquelas que são delegadas aos colaboradores do SAD, tais como:
o Controlo da diabetes;
o Controlo da tensão arterial;
o Prevenção e controlo da incontinência;
o Posicionamento e mobilização;
o Prevenção e tratamento de úlceras de pressão.

As actividades de enfermagem no domicílio, podem ser delegadas/executadas por um colaborador interno ou externo (contratualização de serviço, rede parceira) do SAD, desde que este possua formação específica para o efeito.
Sempre que necessário, o enfermeiro deverá ainda organizar, colaborar na execução e avaliar programas ou acções de formação destinadas aos colaboradores da Instituição, bem como às pessoas próximas do cliente (família, amigos, vizinhos, voluntários ou outros)."

Noutra parte do documento, dizem:

"Deve ser do conhecimento do cliente, dos colaboradores ou outros intervenientes directos nesta função, a indicação terapêutica, bem como o modo de actuação em situações de emergência relativas aos efeitos secundários da administração dos medicamentos em causa."

Pois claro que sabem... ENTÃO MAS A ADMINISTRAÇÃO DE TERAPÊUTICA, E NÃO O DAR PASTILHAS, NÃO É DA COMPETÊNCIA ÚNICA E EXCLUSIVA DO ENFERMEIRO??

Ora isto vem no manual que, suponho, seja o primeiro (mas que continua a vigorar em diversos estabelecimentos de sua categoria "sociais"). Pode ser encontrado aqui: https://rapidshare.com/files/467671499/Apoio_Domiciliario_-_Manual_dos_Processos-Chave.PDF


Já o manual mais recente (2ª edição) disponível em http://www2.seg-social.pt/preview_documentos.asp?r=32642&m=PDF, faz questão de, na parte "PC05-Cuidados Pessoais", retirar completamente a figura e a descrição das funções do enfermeiro.... SÃO PRECISAS? NAAAAAAAA Senão vejamos a comparação:

No manual antigo:



No manual novo:




Espectacular. Simplesmente espectacular. Ora estamos nós a advogar outras competências, complementares à profissão, quando o Estado "esbanja" as nossas, desde que "qualquer zé" tenha formação????

E assistimos impávidos e serenos a isto? QUE TEM FEITO A OE? SERÁ QUE SABE DISTO? Meus amigos, quem defender estas competências para a classe e a penalização dos muitos colegas que estão a dar formação a auxiliares, sobre tudo e um par de botas a toda e qualquer pessoa (pois só vêm dinheiro à frente) é que vai levar o meu voto!!!

Quanto aos colegas que dão formação sobre posicionamentos, controlo glicémico, alimentação enteral, tratamento e prevenção de úlceras de pressão, esse será tema do próximo post!

Agora é triste, revolta, frustra ver que qualquer um pode pegar no nosso saber e dizer-se competente para tal e o Estado apoiar! Como todos sabemos, qualquer macaco vê TA's, glicémias, uma úlcera.... Agora avaliar faz toda a diferença...mas ninguém parece querer saber disso...


Fica o apelo, sejam Profissionais com "P" e não reles tarefeiros ou mercadores de conhecimentos... Lembrem-se que estão, lentamente, a assassinar a profissão... Pior ainda, quando forem acolhidos no lar de idosos, depois dizem-me se gostaram dos cuidados prestados pelos "cuidadores" (que agora já não se lhes pode chamar auxiliares)....

Fica aqui um link que pode interessar e que espero sinceramente, sirva de motivação para levarem mais enfermeiros para os lares e para os cuidados domiciliários e continuados! Basta um piqueno programa, que até feito em excel dá....

http://www.esenfc.pt/rr/rr/index.php?id_website=3&d=1&target=DetalhesArtigo&id_artigo=2223&id_rev=9&id_edicao=35

aquele abraço

Sem comentários:

Enviar um comentário